terça-feira, 24 março
Nota de repúdio à MP 927

A Medida Provisória 927, baixada pelo governo na calada da noite de domingo, 22, suspendia contratos de trabalho e o pagamento de salários por quatro meses dada a pandemia do novo Coronavírus. Ela é uma afronta ao trabalhor. Por isso, não tardou a receber repúdios, como fez o nosso sindicato. Pressionamos, juntamente com a nossa Federação, presidida pelo deputado federal, Luiz Carlos Motta. O governo recuou e retirou este trecho da mesma. Mas outras maldades continuam, como forçar negociações diretas entre trabalhador e patrões, afastando os sindicatos destes acordos. Um absurdo, entre outros. Por isso, a Diretoria do seu Sindicato se une a todo sindicalismo brasileiro e exige que o Congresso Nacional devolva a MP 927 ao Poder Executivo, imediatamente. Chega de mazelas à classe trabalhadora, que já esta sendo penalizada por esta tragédia em nossa saúde pública. Conte sempre com o seu Sindicato.

Márcia Caldas – Presidente.